• WR São Paulo

Saiba como diferenciar o seu artesanato


1. Invista em materiais de qualidade. Bons materiais são fundamentais para dar qualidade, bom acabamento e agregar valor a suas peças. Criatividade e Qualidade são uma dupla invencível para transformar uma boa ideia em um produto cobiçado por seus parentes, clientes e amigos, com alto valor agregado e que poderá ser comercializado por um preço justo. As indústrias investiram tempo e recursos financeiros em pesquisa e processos produtivos para oferecer as melhores ferramentas e matérias-primas aos artesãos e artesãs. Então, quando for comprar qualquer tipo de material, opte por aquele que lhe proporcionar a melhor performance e der o melhor resultado.


2. Aprimore seus conhecimentos. Aprender novas técnicas e estar por dentro das novidades e das tendências nacionais e internacionais é essencial para que o fruto do seu trabalho ganhe um merecido destaque e isso pode ser feito de diferentes formas, tais como: participar de lives, cursos e oficinas, pesquisar na internet, visitar feiras e eventos, mostras de arte em galerias e museus e muito mais. Mantenha uma agenda atualizada de tudo o que está acontecendo e escolha o que melhor lhe atender. Não deixe de se capacitar sempre e nunca despreze a sua capacidade de fazer muito bem o que se propõe.


3. Crie seu próprio estilo.

É importante estar atenta às tendências, mas jamais perca a sua essência. Fuja do óbvio e do lugar comum e procure dar personalidade própria a seus trabalhos, de forma que seus clientes saibam identificar que foi feito por você só de olhar. A sua identidade nas peças é fundamental, tal como o DNA ou as impressões digitais, como se fosse uma assinatura com firma reconhecida em cartório.


4. Busque inspirações

O que te inspira? O que te encanta? Sair e ver o mundo lá fora? Ver exposições? Ir a lojas de materiais para artesanato? Navegar sem rumo pela internet? Faça o que for preciso para ter novas ideias. Conheça também os trabalhos de outros artesãos para se inspirar (e não copiar!) e aplique o seu estilo para deixar com a sua marca. É de vital importância que se aventure em outras técnicas, que experimente novos materiais, que exiba sua maestria em outros segmentos, pois além de causar admiração, a diversidade a protegerá em períodos de baixa procura.


5. Crie e proteja sua marca e suas criações

Já pensou em criar uma assinatura ou um logotipo? É muito importante que faça isso. Apesar de todos os artesãos e artesãs serem muito criativos, aconselhamos a procurar um profissional especializado na criação de logotipos e embalagens, pois o olhar externo de um profissional especializado é fundamental para captar a essência da técnica e do produto a ser registrado. Neste sentido, também é necessário que a sua marca seja protegida junto ao INPI Instituto Nacional da Propriedade Industrial; há muitas empresas especializadas na prestação desse tipo de serviço e com preços acessíveis. A sua marca ficará protegida por dez anos e essa proteção poderá ser renovada pelo tempo que desejar.

31 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo